Efraim Filho diz que o diálogo é o melhor caminho para o crescimento do Brasil

Em reunião com os congressistas membros da Frente Parlamentar Mista em defesa do Comércio, Serviços e Empreendedorismo o presidente Efraim Filho (DEM/PB) ressaltou que estes setores se uniram em prol do crescimento de novos empregos e renda.  “A frente está vinculada a essa agenda econômica do Brasil. É uma tarefa longa pela frente”.

Ainda de acordo com Efraim Filho o país vem de quatro anos de uma crise econômica muito severa e “precisa encontrar o rumo do desenvolvimento, precisa voltar a crescer e principalmente recuperar os empregos perdidos”.

Na avaliação do presidente Efraim um grande números de deputados e senadores entendem a importância da frente e a bandeira.

“Estaremos juntos lutando a favor da desregulamentação, desburocratização deste setor, afinal quem empreende, gera emprego, gera renda, gera oportunidade é herói desse país e vamos trabalhar juntos com o país na elaboração de leis que facilitem a vida de quem quer empreender.” Afirmou Efraim Filho.

Uma das metas da Frente é abrir diálogo com os empresários.  Os parlamentares têm o apoio da União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (UNECS), que é formada pelas maiores instituições do setor: Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (Abad), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Associação Brasileira de Automação para o Comércio (Afrac), Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop), Associação Brasileira de Supermercados (Abras), Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), que atualmente preside o grupo. A UNECS foi criada em 2014 e é responsável por 15% do PIB brasileiro; 65% das operações de crédito e débito no país e pela geração de 22 milhões de empregos diretos.

O atual presidente da Frente, deputado Efraim Filho (DEM/PB), destaca também a importância da presença dos empresários no evento –  em apoio ao parlamentar de seu estado na Câmara ou no Senado – para fortalecer a articulação com foco no desenvolvimento e fortalecimento do mercado: “Um setor que gera emprego, gera renda, assina carteira e paga tributos não pode ficar alheio às discussões que irão definir o futuro do nosso Brasil”, afirma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *